Sabe como evitar o desequilíbrio elétrico?

Sabe como evitar o desequilíbrio elétrico?

O coordenador da Assistência Técnica da Heliar, Adelmo Leite, dá dicas que podem ajudar a identificar a melhor forma de utilizar o veículo sem que ocorram problemas elétricos.

Existem, hoje, no mercado automóvel e de motociclos diversos equipamentos eletrónicos que podem ser instalados nos veículos.

Porém, o que muitos condutores e motociclistas desconhecem é que pode haver um desequilíbrio elétrico caso não seja feito um ajuste no sistema do veículo. O que afeta, diretamente, a vida útil da bateria. 

Adelmo Leite, coordenador da Assistência Técnica da Heliar, uma marca global Clarios (antiga Johnson Controls Power Solutions), dá dicas que podem ajudar a identificar a melhor forma de utilizar o veículo sem que ocorram problemas elétricos. 

A instalação de novos equipamentos elétricos exige cuidados especiais. Novos equipamentos para dar um boost aos veículos, sejam eles motociclos ou automóveis, surgem todos os dias no mercado.

Sistemas áudio potentes, diferentes tipos de faróis, dispositivos para carregar telemóveis e para conectar aparelhos de GPS, são alguns exemplos.

Por serem equipamentos elétricos, requerem energia, o que pode causar um desequilíbrio elétrico caso não se faça um ajuste no veículo. Aqui ficam as dicas de Adelmo Leite.

Consultar um técnico eletricista

Cada veículo tem uma exigência específica de energia e, por isso, a bateria segue o padrão de capacidade que foi determinado pelo fabricante.

Ao serem adicionados novos equipamentos elétricos e eletrónicos que não foram aplicados de série, é possível que todo o sistema fique desequilibrado.

Para evitar que tal aconteça, é preciso consultar um técnico eletricista para proceder às alterações necessárias, evitando, assim, problemas com a bateria.

Esse problema ocorre quando há consumo maior do que a energia produzida pelo veículo. O condutor tem, então, de fazer um redimensionamento do sistema, colocando um alternador com potência maior ou diminuindo o número de equipamentos para poder equilibrar de novo o sistema.

Não utilizar equipamentos com o veículo desligado

Alguns equipamentos, como os sistemas de som, DVD e kit multimédia, quando instalados de forma incorreta, acabam por funcionar mesmo com o veículo desligado.

O problema é que toda essa exigência energética recairá sobre a bateria. No momento de ligar o veículo, poderá haver uma falha, já que toda a carga da bateria foi usada por esses dispositivos.

O correto é efetuar a instalação utilizando o circuito elétrico pós-chave do veículo. Desta forma, os equipamentos funcionarão apenas com a chave de ignição acionada e com a permissão do condutor. Assim, torna-se possível obter melhor controlo da descarga da bateria. 

Evitar fugas de corrente elétrica

A fuga de corrente elétrica, com o veículo em repouso, também é um problema que afeta a boa utilização da bateria. Tal acontece quando um componente elétrico continua a consumir energia após o veículo ser desligado, o que acaba por desperdiçar a carga da bateria.

Exemplo? Uma luz de habitáculo que não se desliga, uma frente destacável do painel do rádio que esteja mal conectada ou um sistema de alarme que consome energia mesmo estando o veículo desligado.

Notícias da mesma categoria

Sabe como evitar o desequilíbrio elétrico?

Do mesmo Autor: Bruno Castanheira

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com