“Quando há evolução, existe necessidade de adaptação”, José Bárbara, KROFtools

“Quando há evolução, existe necessidade de adaptação”, José Bárbara, KROFtools

A KROFtools tem procurado sempre melhorar e inovar os seus produtos para poder chegar, cada vez mais, às necessidades dos parceiros e de quem procura as suas ferramentas, tentando encontrar novos artigos a fim de acompanhar a inovação do mercado. 

Para manter a posição no ranking dos maiores distribuidores nacionais de equipamentos oficinais que ocupa, a estratégia da KROFtools passa por manter as parcerias que tem e fazer um bom acompanhamento do pós-venda.

Como caracteriza o mercado das ferramentas e equipamentos oficinais nos dias de hoje?

Consideramos que estamos num setor dinâmico, que tem vindo a crescer com o aparecimento de novos modelos e motores. Sendo que veem em nós uma referência onde procurar novas ferramentas para motor e carroçaria, temos de estar sempre atualizados. Temos vindo a adicionar diversas referências ao nosso catálogo.

Considera que está a haver uma retoma na aquisição de equipamentos oficinais?

Sim. Existe uma grande evolução a nível de equipamentos oficinais. Hoje, a imagem também vende e atrai clientes, o que leva a própria oficina a apostar numa visual mais cuidado. Com equipamentos mais modernos e seguros para que se torne mais convidativa para quem a procura. 

Algumas marcas são vendidas sem a respetiva homologação e certificação CE. O que deve e pode ser feito para evitar a venda destes equipamentos?

Reconhecemos a importância da certificação. Por esse motivo, a nossa marca é certificada. Os equipamentos devem, imprescindivelmente, dispor de um certificado para a segurança do comprador. De acordo com a visão que temos, uma maior fiscalização a nível das entidades, quer nas alfândegas quer nas oficinas, seria uma mais-valia. Embora as autoridades já o façam, reforçarem esses elementos seria uma das opções.

A eletrónica está, cada vez mais, presente nos equipamentos oficinais. Como está a reagir o mercado a esta evolução?

Quando há evolução, existe necessidade de adaptação. Acreditamos que a sociedade, tal como todos os que trabalham neste ramo, se esteja a adaptar. Procurando obter conhecimentos sobre os novos equipamentos. Mesmo a juventude que está a ingressar neste mercado já dispõe de formação sobre os equipamentos.

Relativamente ao estado da distribuição de equipamentos oficinais no nosso país, quais os principais constrangimentos/adversidades que encontra no exercício da vossa atividade?

A principal dificuldade que temos sentido diz respeito à montagem e assistência de elevadores, pois não temos conseguido responder às necessidades dos nossos parceiros no timing que gostaríamos. A procura pela montagem tem sido, cada vez mais, elevada. Por isso, estamos a considerar alargar a nossa equipa técnica.

A KROFtools ocupa o ranking dos maiores players do mercado da distribuição de equipamentos oficinais em Portugal. O que pretendem fazer para se manterem neste ranking?

Continuar a alicerçar as parcerias que temos, fazer um bom acompanhamento do pós-venda. Além disso, ter sempre de equipamentos novos para que os nossos parceiros disponham de um leque variado de artigos.

Notícias da mesma categoria

João Vieira

Do mesmo Autor: João Vieira

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com