Sabe como rececionar uma viatura em tempos de pandemia? A Road House diz-lhe

Sabe como rececionar uma viatura em tempos de pandemia? A Road House diz-lhe

A crise sanitária provocada pelo novo coronavírus não alterou apenas alguns hábitos de consumo ou o dia a dia dos cidadãos. Muitos setores de atividade tiveram de adaptar-se a uma nova realidade.

No caso específico das oficinas de manutenção e reparação, as medidas de higienização e desinfeção dos veículos é o melhor exemplo. Durante o Estado de Emergência, quem teve de levar o veículo à oficina por estar abrangido pelos serviços considerados essenciais para manter o país a funcionar, percebeu que o protocolo de receção e entrega havia mudado. E aqueles que ainda não viram, irão constatá-lo nos próximos meses enquanto a Covid-19 continuar a representar uma ameaça sanitária.

Se tivermos em conta que o veículo particular é o meio mais utilizado pelos cidadãos para se deslocarem devido ao receio de serem contagiados nos transportes públicos, é essencial que as oficinas cumpram os procedimentos para higienizar e desinfetar os veículos, quer no momento que chegam, quer quando são entregues ao cliente. A Road House relembra-os.

1 – Preste especial atenção ao puxador da porta, à alavanca da caixa de velocidades e ao volante. Visto tratar-se de superfícies que mais vezes serão tocadas durante a permanência do condutor no veículo, a oficina deve prestar atenção especial a estas áreas, nas quais deve ser aplicado um líquido desinfetante em toda a sua extensão, utilizando um pano não reutilizável ou previamente lavado a mais de 60° C.

2 – Limpeza profunda dos tapetes. O processo a adotar depende do tipo de tapete. No caso dos de tecido, escovar e aspirar totalmente a sujidade será o processo a realizar na oficina. No caso dos tapetes de borracha, estes devem ser removidos, limpos com água quente pressurizada e ser alvo da aplicação de produtos virucidas. Esta última ação também deve ser adotada caso os tapetes sejam de pano.

3 – O tablier é um foco de bactérias. Esta superfície é outro elemento do veículo que requer especial cuidado. Limpar totalmente todos os cantos e aplicar um líquido desinfetante, que, a partir de agora, é essencial em qualquer oficina, independentemente da sua especialidade.

4 -Limpar as grelhas de ventilação. Por vezes, ficam esquecidas durante as operações de limpeza de veículos. Devido à humidade e à poeira que podem acumular, trata-se de um foco potencial de vírus e bactérias. O profissional deve utilizar um aspirador de pó ou uma escova para remover qualquer poeira que esteja acumulada no interior e que possa obstruir as saídas de ar. Além disso, é recomendável adicionar ao circuito um produto desinfetante.

5 – As janelas estão muito expostas. Qualquer elemento exterior fica mais exposto ao novo coronavírus. As janelas estão entre esses elementos. Como tal, devem ser limpas frequentemente e, em seguida, devem ser empregues produtos desinfetantes.

Os cinco passos acima descritos devem ser realizados tanto na entrada do veículo na oficina, para garantir a segurança dos profissionais, como na entrega do veículo ao cliente nas mais elevadas condições de segurança e higiene possíveis, evitando a propagação do novo coronavírus.

Notícias da mesma categoria

Avatar

Do mesmo Autor: Bruno Castanheira

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com