Substituir um turbo sem riscos

03 - Substituir-um-turbo-sem-riscos-Liqui-Moly1883

A substituição de um turbo é uma operação comum, mas que deve obedecer a um procedimento rigoroso para evitar riscos que podem levar a custos elevados. Toda a operação requer um procedimento profissional para garantir o bom funcionamento e a satisfação do cliente.

A montagem de um turbo, além de ser uma operação delicada e que origina, por vezes, problemas à oficina, vai muito para além da própria montagem. Implica uma lavagem de motor e mudança de óleo para garantir que todos os canais de lubrificação estão limpos para um funcionamento perfeito do novo turbo.

O aditivo Motor Clean (Ref. 1883) garante uma lavagem profunda do motor, libertando-o de todos os resíduos, partículas de sujidade sólidas e impurezas líquidas, ocasionados, muitas vezes, quando um turbo parte. Basta adicionar ao óleo usado, deixar o motor ao ralenti cerca de 10 minutos, o que dissolve todos os resíduos. Depois, basta retirar o óleo usado, colocar óleo novo (confirme o óleo correto no Guia de Óleos em www.liqui-moly.pt) e filtro. Assim garante-se também lubrificação perfeita para o turbo. E quantas vezes uma falha no primeiro enchimento causa danos num turbo acabado de montar?

O Aditivo de Montagem de Turbos (Ref. 20766) é obrigatório na montagem de qualquer turbo. Basta encher o orifício de entrada de óleo com o produto no primeiro enchimento de novos turbocompressores. Assim, após a montagem, o turbo fica protegido contra um funcionamento a seco e evita danos por falta de óleo na fase de rodagem. Aumenta a segurança de funcionamento, a qualidade do serviço na oficina e evita uma nova imobilização desnecessária e custos associados.

Notícias da mesma categoria

Redação JO

Do mesmo Autor: Redação JO

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com