Ambiente de trabalho: Cultura motivacional

11 - N3_ambiente_oficina

Neste artigo abordamos como os proprietários de oficinas podem criar uma cultura motivacional e estimulante no ambiente do local de trabalho. A cultura consiste em ter um local de trabalho onde cada membro da equipa se sente valorizado e respeitado

Não basta proporcionar aos funcionários festas de Natal, bónus de produtividade ou pequenos almoços grátis. Estas coisas são importantes, mas não são suficientes. Precisa de analisar o lado emocional da força de trabalho.

Tenha uma visão
Uma visão irá defini-lo, a sua paixão e os seus valores, ao mesmo tempo que dará a cada membro da equipa a motivação para corresponder à sua ética de trabalho e ao seu compromisso para com os seus clientes. É fundamental que tenha uma cultura positiva da empresa se pretende que a equipa dê o seu melhor. Ter uma visão define os padrões.

Aprendizagem contínua
A reparação automóvel está a evoluir rapidamente e ninguém pode dizer que é totalmente qualificado. Há sempre algo a aprender e é importante certificar-se de que a sua equipa compreende isso. Deve dar o seu melhor para que os seus funcionários continuem a aprender, dando-lhes todas as oportunidades para receberem formação e adquirirem novas competências. Se necessário, deixe-os fazê-lo durante o seu tempo. Porque não? Afinal, é para seu benefício.

Estipular parâmetros e processos
Se não puder confiar em alguém para fazer o trabalho para o qual foi contratado, então tem a pessoa errada. Contudo, assegure-se de que cria condições que dão autonomia à equipa. Poderia até pedir para que definam os seus próprios objetivos. Esta medida fortalece-os e a equipa terá maior probabilidade de se empenhar para alcançar os objetivos que eles próprios definiram em vez de lhes ter sido dito para o fazerem.

Escute sempre
A equipa desempenha as suas funções diariamente. São os que têm o melhor conhecimento dos processos e, portanto, entendem o que está a funcionar ou não. Deste modo, um gestor deve escutar as suas opiniões e admitir que nem sempre sabe o que é melhor.
Aceite ideias e pontos de vista, permita que a equipa alcança o seu pleno potencial. Além de os fazer sentir valorizados, permite também poupar tempo e dinheiro no processo.

Comunique
Não existe comunicação em demasia. É importante e motivador saber como está o desempenho do negócio, mesmo que não esteja a correr bem. Caso contrário, a força de trabalho só especulará. Além disso, agradeça! São duas palavras curtas, mas que fazem toda a diferença. Pequenos gestos, como dizer “obrigado”, mostram que é empático e acessível. É possível ficar agradavelmente surpreendido com os resultados destes simples passos.

Os erros acontecem
É natural que ocorram erros, mas é a forma como lidamos com eles que é crucial. Adote o conceito «Assumir uma intenção positiva». Deseja que a equipa tenha medo a ponto de tentar encobrir os seus erros? A alternativa é criar um ambiente positivo para os seus funcionários serem abertos e honestos acerca dos erros e assegure que utilizem essas ocasiões como oportunidades para aprender.

Confie nas pessoas
Alguns dos leitores poderão pensar que tem funcionários que iriam aproveitar-se. Isso pode acontecer, mas ao possuírem uma boa cultura, essas pessoas rapidamente mostram quem são na verdade. A verdadeira pergunta é: Quer um membro da equipa que possui todas as competências, mas que tem uma abordagem negativa? Ou quer um membro que se enquadra na sua cultura? É possível aprender novas competências, mas alterar a mentalidade de uma pessoa, só ela o pode fazer.